Jovens da Diocese levantaram-se, vestiram a camisola e fizeram missão

Nos dias 28 e 29 de novembro, os jovens de todo o país foram desafiados pela organização da Jornada Mundial da Juventude 2023, que se realizará em Lisboa, a vestir a camisola da Jornada e fazer missão. Esta iniciativa vai ao encontro do lema desta JMJ: “Maria levantou-se e partiu apressadamente” (Lc 1, 39) e teve como objetivo levar os jovens à ação, a levantarem-se.

Na diocese de Leiria-Fátima, centenas de jovens vestiram-se a rigor para abraçar este desafio e os resultados são os que estão à vista nas fotografias que o SDPJ foi recebendo e recolhendo.

Alguns jovens deixaram o seu testemunho missionário:

No passado fim de semana, aceitámos o desafio proposto pelo comité da JMJ Lisboa 2023 e fizemos Missão! Vestimos a t-shirt e levámos alegria, esperança e fé a todos os que se cruzaram connosco! Vestir a t-shirt da JMJ é uma grande alegria e emoção, e esta tem um sentimento ainda mais especial, por as jornadas irem decorrer no nosso país. No tempo de pandemia que vivemos, levar esperança, alegria e fé a todos é fundamental e cá estaremos, enquanto jovens felizes em Cristo, para testemunhar a Sua presença, mesmo nos momentos mais difíceis. Cristo Vive!!!

Vânia Santos e Francisco Saraiva, Maceira

Fazer missão e vestir JMJ Lisboa 2023, me fez levar novas esperanças e recordar a juventude de 20 utentes que, comigo, celebraram o dom da juventude portuguesa. Tal como eles, que não nos esqueçamos que a luz nunca se apaga e que o caminho está apenas a ser traçado. Vamos juntos caminhar até Lisboa e acolher a juventude do Papa no nosso país.

Dulce Domingues, Souto da Carpalhosa

Ao terminar este fim-de-semana, em que vivemos o grande desafio FAZ MISSÃO, fica o sentimento de que vestir a camisola significa olhar ao redor, acreditar, não baixar braços, contornar obstáculos e seguir o caminho. É o compromisso de ser jovem JMJ, que assume que é cristão, amado por Jesus e não fica no sofá a ver a comunidade a procurar ajuda! Vamos a isso… vestir a camisola, sempre!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *